Hoje em dia as pessoas acabam passando em média de 8 a 10 horas por dia no escritório e é comum ao final de uma jornada de trabalho ouvirmos reclamações de dores e cansaço nas pernas e coluna. É necessário adotar uma postura correta e regular para que não haja danos permanentes que possam levar a incapacitação do trabalhador.

Neste aspecto a funcionalidade da cadeira é de grande importância, e neste contexto é que entra a ergonomia. Veja alguns conselhos úteis:

·        A postura mais adequada ao trabalhador, é aquela que ele escolhe e adota LIVREMENTE e que pode ser variada ao longo de seu turno de trabalho.

·        O Posto de Trabalho mais adequado, é aquele que lhe proporciona a variação e alternância da postura sentada, com a postura em pé, seguindo esses princípios, as demais orientações são voltadas para a boa escolha e aquisição dos mobiliários e equipamentos de seu escritório.

Ao mobiliar seu escritório ou home office, tenha uma especial atenção no item CADEIRA. Observe se ela é compatível com o trabalho, e que fundamentalmente tenha regulagem de altura de assento, proporcionando diversidade de movimentos “acomodando” com tranqüilidade 3 posturas básicas do sentar: Inclinação para frente Posição vertical. Inclinação para trás. No item MESA, a dica básica é que ela tenha medidas mínimas de 0,90m de largura x 0,60m de profundidade x 0,73m de altura e com bordas de contato arredondas.

Enfim, vale a pena lembrar que antes da escolha da mesa é preciso saber quem vai utilizá-la, quais equipamentos e alcances serão necessários na mesa, para qual tipo atividade essa mesa irá servir, e com que cadeira ela fará conjunto. Parece muita coisa, mas isso não basta. Também é preciso considerarmos as boas condições de iluminação e temperatura, como também um local amigável e agradável de trabalho.